Trocar a iluminação: Cinco vantagens das lâmpadas LED

20 Mai 2022 | Notícias

Se está a pensar trocar as lâmpadas de casa, mas não sabe quais escolher, este artigo é para si. As lâmpadas LED são a tecnologia “mais eficiente de iluminação”, permitindo poupar na fatura ao final do mês.

“O termo LED significa Light Emitting Diode ou Díodo Emissor de Luz. Um nome comprido, que procura resumir o funcionamento desta lâmpada que é até bastante simples. Ao contrário das lâmpadas comuns, as lâmpadas LED não possuem filamento, o que faz com que durem mais por não produzirem tanto calor. Em vez disso, quando a corrente elétrica chega à lâmpada, passa por uma fita LED, que espalha a energia que recebe em forma de luz visível”, explica a plataforma de comparação de produtos de crédito.

Quais são as vantagens? “Menos custos e mais durabilidade”, refere o ComparaJá, destacando os seguintes cinco aspetos:

  1. As lâmpadas LED consomem menos 80% do que as tradicionais – “A principal vantagem das lâmpadas LED é a redução do consumo energético. O que muitas vezes não é tão evidente é a diferença face às soluções de iluminação tradicional: as lâmpadas LED podem representar uma poupança de energia até 80% face às lâmpadas tradicionais”;
  2. As lâmpadas LED podem durar 25 anos – “As lâmpadas LED têm uma vida útil até 50.000 horas, ou 25 anos, se funcionarem cerca de 5 horas por dia e mantém a intensidade e mesmo que as ligue e desligue muitas vezes. A nível comparativo, as lâmpadas incandescentes têm uma vida útil de 1.000 horas, as de halogéneo entre 2.000 e 4.000 horas, as lâmpadas fluorescentes e as economizadoras entre 5.000 e 8.000 horas”;
  3. As lâmpadas LED não emitem calor – “Já sentiu necessidade de desligar as luzes em dias quentes para arrefecer a casa? Já se queimou ao trocar uma lâmpada quente? Nenhum destes problemas se coloca com as lâmpadas LED, que não emitem calor”;
  4. A tecnologia LED permite escolher a cor e intensidade da luz – “Outras das principais vantagens das lâmpadas LED é a sua versatilidade em termos de cor e intensidade da luz. A maioria das utilizações em casa requer entre 700 e 800 lumens, tais como estudar, trabalhar ou cozinhar. No entanto, para obter uma luz intensa, pode necessitar de mais de 1.000 lumens. Já para uma iluminação mais leve, cerca de 300 lumens será suficiente”;
  5. As lâmpadas LED são boas para o ambiente – “Um produto mais eficiente do ponto de vista energético será sempre melhor para o ambiente. Mas o que muitas vezes passa despercebido ao escolher lâmpadas tradicionais é a emissão de luz ultravioleta e infravermelha, algo que não acontece com as lâmpadas LED. Deste modo, evitam-se riscos tanto para a saúde humana como para o ambiente”.

 

Ver notícia original
Como deseja contatar-nos?
Email